quarta-feira, 4 de maio de 2011

Reciclando o lixo dentro de casa

A pouco tempo tomei a posição de encaminhar devidamente os tipos de lixo da minha casa. E vi como isso é simples. Hoje existe, pelo menos na minha cidade, a coleta seletiva, que é um caminhão que passa uma vez por semana e coleta os lxos recicláveis.
No casa aqui na minha rua é na terça, eu comecei a sentir o drama de quem teve a iniciativa de colocar caminhões como estes na ruas, a grande maioria das pessoas não teem o interesse de buscar cooperar com a coleta seletiva. Tanto que, ficam todos os lixos juntos, então eles fizeram um ponto de coleta em cada rua, cada um que se conscientizasse é só levar num desses pontos que então o caminhão passa e os levam.
Seria melhor que todos fossem devidamente conscietizados, e esse dia da semana fosse associado ao dia da coleta do lixo reciclável.
Fiquei pensando numa forma para isso acontecer, e lembrei de quando eu era criança e fazia arrecadação de prendas para a gincana na escola, da mesma forma que isso acontecia, as crianças hoje poderiam participar de projetos como esse. A prefeitura poderia fornecer sacos plásticos de uma cor determinada para a população e assim haveria um incentivo a mais.
Como comecei a fazer isso, comecei a ver que o problema está mesmo na conscientização, aqui em casa os problemas maiores que me deparei foram; conscientização das pessoas sobre o que colocar em cada lixo e a preguiça de ir levá-lo a um ponto de coleta.
As pessoas daqui de casa tinham dificuldade de saber o que colocar em cada lixo, foram dois cestos de lixo que eu coloquei na cozinha, principal lugar de descarte de lixos da casa, sendo um para o lixo orgânico e o outros para todos os outros. Então jogavam no lugar errado, esqueciam de lavar antes de jogar fora, alguns problemas, mas como todo começo... eu não esperava que como um toque de mágica tudo mudasse.
Levá-lo até um ponto de coleta, o ponto de coleta normalmente são escolas e espaços que as pessoas sedem,era um pouco chato porque sou eu quem faz isso, levar o lixo, mas tudo bem... minha consciência fica melhor fazendo isso, e sinto que estou sendo obediente e fazendo algo que é bom para mim mesma e para o mundo todo.

Minha mãe ficou preocupada no começo, e até hoje, ela dizia e diz ainda:
- Não é para ficar ajuntando lixo em casa! Essa casa vai virar uma maloca!
Mas eu digo a ela, não precisa se preocupar, mesmo que eu esqueça de levar essa semana, o lixo é um lixo limpo, não irá ajuntar bichos.
Então pessoal, tente se informar sobre isso, porque, afinal, não é nenhum bicho de sete cabeças!

Um comentário:

  1. Interessante seu post... Gostei do seu blog! Muito bom! Parabéns!

    ResponderExcluir